6ª quimio: chegada da menopausa

Oieeee, tudo bem?

Realizada na segunda dia 3 de dezembro, a sexta quimio trouxe algo que eu não lembrava que viria: a menopausa temporária. Entretanto, eu só confirmaria esse diagnóstico na semana seguinte.

Na real, na quarta e quinta-feira (dias 5 e 6) eu fiquei bem chorosa. Super sensível a tudo, a ponto de qualquer coisa ser motivo de muitos choros. Algo que eu desconhecia totalmente, pois – quando em situação “normal”- eu não tinha TPM (tensão pré menstrual) e nunca fui daquelas mulheres de mi mi mi em relação a esse assunto. Sempre fui super descolada e bem regrada. Não tinha mal humor e nenhum outro sintoma, a não ser seios inchados (uma semana antes) e pouquíssimas cólicas – nem tomava remédios.

Eu comecei a perceber algo diferente quando me dei conta que já tinha se passado 23 dias e minha menstruação não tinha descido. Em raríssimos casos atrasava. Associado aos choros já estava achando que poderia ser uma gravidez, algo que a médica pediu para eu cuidar porque existem vários casos de mulheres que engravidam durante o tratamento. E essa hipótese me deixou quase em pânico. Importante destacar que mesmo em menopausa temporária, ou seja, não menstruando isso pode acontecer porque eu ainda posso ovular.

Com o diagnóstico da menopausa temporária veio também a alteração de humor, as irritabilidades, os calorões e os frios. É uma explosão de hormônios e uma confusão de sentimentos que nem eu entendo.

Foi difícil interpretar tudo isso e informar aos que estão próximos, pois tudo o que eu não quero é tratar mal quem está perto, sempre querendo ajudar. Mas, inevitavelmente, isso, por vezes, acaba acontecendo e fico chateada comigo. Quando me dou conta já fiz e saio pedindo desculpas. As pessoas estão aprendendo a lidar comigo, assim como eu mesma: comigo e com elas. Já consigo perceber quando estou assim e logo aviso que não estou num dia muito legal, com a paciência curta, digamos assim.

Mas, o mais difícil, e incontrolável, é lidar com os calores e os calafrios. Chegam e desaparecem com a mesma velocidade, num piscar de olhos, me colocando em situações difíceis por vezes. Mas, quem está perto sempre me ajuda (com ar-condicionado e ventilador), por vezes até medindo minha pressão, já que tenho tido quedas de pressão em função dos dias quentes desse verão; no caso dos frios e calafrios, corro e coloco minha mantinha – que virou meu terceiro braço – onde vou levo comigo.

Algo que não é legal desse processo é saber que corro 50% de risco de ficar infértil. Eu deveria ter aplicado uma medicação, mas meu plano de saúde (Agemed) negou este recurso. Isso ajudaria a evitar essa situação. E cada injeção no particular custa R$ 1.450,00 vezes 6 aplicações, algo em torno de 9 mil reais. Eu deveria ter iniciado a primeira injeção 30 dias antes do início do tratamento, mas só tive 15 dias para iniciar a primeira quimio, após o diagnóstico. E quando foi negado já havia passado mais de um mês do tratamento. Ou seja, estava mais de um mês e meio em atraso. Com tudo isso, tive que tomar uma decisão. Mas, com a negativa do plano de saúde, a falta do recurso financeiro, o atraso em iniciar e sabendo que as chances eram de 50% tomando ou não a medicação, optei por não realizar as aplicações. Preferi e sigo acreditando nos 50% que podem dar certo e tudo ficará bem.

Enfim, quando todo o tratamento quimioterápico terminar, gradativamente, meu ciclo menstrual voltará ao normal. Mas, o fato é que tudo isso, associado ao inchaço advindo do corticoide tomado a cada quimio, a perda do cabelo – baixa a auto-estima. Procuro tentar não pensar muito nisso, sabendo que tudo faz parte do processo/tratamento e que já teve início, agora estamos quase no meio e que logo, logo terminará. Os cabelos voltarão, os quilos irão embora e o ciclo menstrual retomará. A gravidez? Essa, se for da vontade de Deus, virá no tempo certo.

É isso. Sigo firme, forte e muito confiante.

Beijo carinhoso.

Gi

2 comentários sobre “6ª quimio: chegada da menopausa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s